Cuidado e Prevenção

Colesterol alto: sintomas e o que pode causar

4 Minutos de Leitura
Sintomas de Colesterol alto e O Que Pode Causar?

O colesterol LDL (conhecido como ruim) e os triglicerídeos podem se tornar vilões para a nossa saúde, caso atinjam níveis muito elevados.

Isso porque, caso vá se acumulando em nossas artérias, têm o potencial de reduzir o fluxo sanguíneo ou mesmo de causar o entupimento desses vasos, resultando em problemas graves, como derrame (AVC), insuficiência cardíaca e até infarto.

E, diferentemente do que muitos podem achar, a dislipidemia (alteração nos níveis de gordura no sangue) não é um sintoma restrito às pessoas com excesso de peso, podendo surgir mesmo em quem está de bem com a balança, em crianças ou simplesmente por tendências genéticas. 

Para te ajudar a se proteger dos riscos desse problema, listamos neste artigo algumas dicas de como combater o colesterol alto.

SAIBA QUAIS SÃO AS VANTAGENS E BENEFÍCIOS EXCLUSIVOS QUE SERVIDORES OU FUNCIONÁRIOS PÚBLICOS PODEM TER AO CONTRATAREM PLANOS DE SAÚDE.
[BAIXE AGORA O E-BOOK GRATUITO SOBRE PLANO DE SAÚDE PARA SERVIDORES!]

Sintomas de colesterol alto

O colesterol alto não apresenta sintomas, porém, sinais como: dor no peito, fraqueza, fadiga, prisão de ventre, enjoos e dores de cabeça podem indicar problemas cardiovasculares. 

Além disso, seu surgimento pode estar ligado a fatores genéticos. Por isso, realizar um check-up ao menos uma vez ao ano é fundamental, especialmente se você tem casos de dislipidemia na família.

6 Dicas para combater o colesterol alto

Além dos fatores genéticos, alguns aspectos relacionados aos hábitos de vida também exercem um papel importante para elevação dos níveis de colesterol. E é sobre eles que podemos ter um maior controle.

Questões relacionadas à alimentação, sedentarismo e até mesmo ao hábito de fumar podem contribuir de forma importante para níveis elevados de colesterol total, da fração LDL (colesterol ruim) e dos triglicerídeos.

Dicas para combater o colesterol alto

Portanto, as principais medidas para se combater o colesterol alto estão relacionadas a uma vida mais ativa e saudável, como:

1. Alimentar-se adequadamente

Diminua o consumo de gorduras saturadas, trans e carne vermelha, preferindo as chamadas “gorduras boas”, como Ômega-3, azeites e castanhas. Também reforce o consumo de fibras, legumes e verduras, além de dar preferência a alimentos integrais.

2. Modere o consumo de álcool

Dê preferência ao vinho tinto (uma taça ao dia), para se beneficiar do efeito anticoagulante do resveratrol e da ação antioxidante dos flavonóides, pois acredita-se serem benéficos ao coração.

3. Pare de fumar

Além do tabagismo diminuir o nível do colesterol bom (HDL) e elevar o ruim (LDL), ele também prejudica a elasticidade das artérias, favorecendo a ocorrência de obstruções.

4. Fique atento ao peso

Apesar de não ser uma característica obrigatória de quem possui colesterol alto, o excesso de peso é um fator de risco para o desenvolvimento da doença. Segundo a Organização Mundial da Saúde, a medida abdominal ideal para homens é de até 90 cm e, para mulheres, até 80 cm. Acima disso, os riscos já se elevam.

5. Faça atividades físicas regularmente

Os exercícios aeróbicos – como caminhada, corrida e bicicleta – são os mais recomendados.

6. Tome cuidado com o estresse

Além de aumentar a frequência cardíaca e a pressão arterial, o estresse também contribui para o aumento do colesterol ruim. Portanto, procure realizar atividades relaxantes. 

Veja como tratar febre alta!

Alimentos que ajudam a combater o colesterol alto

Um dos meios mais eficientes para combater o colesterol alto é aliar uma alimentação saudável e equilibrada a uma rotina de exercícios

E engana-se quem pensa que o cardápio indicado para combater o colesterol alto precisa ser muito restrito. Na verdade, é preciso evitar certos grupos de alimentos, como aqueles ricos em açúcares e gorduras saturadas, trans e animais, dando preferência a pratos cozidos ou preparados no vapor. 

Também é recomendado evitar molhos e temperos prontos, devido à quantidade de conservantes e outros produtos químicos que esses alimentos contêm. Não vai adiantar você montar um bonito prato de salada, se depois você cobri-lo com esse tipo de molho industrializado. Prefira vinagre ou apenas um fio de azeite.

Então, para aumentar o nível de colesterol bom e diminuir o ruim, inclua na sua alimentação:

  • Carnes brancas: peixes, frango e peru.
  • Frutas e vegetais: de preferência crus e com casca.
  • Alimentos integrais e ricos em fibras: pão integral, aveia e amêndoas.
  • Leguminosas: feijão, soja, grão-de-bico e lentilha.
  • Laticínios pobres em gordura: leite desnatado e iogurtes naturais.
  • Gorduras vegetais: azeites, castanhas e abacate.

Quer aprender a reforçar seu sistema imune por meio do que você põe no prato? Confira este artigo:

Alimentos que aumentam a imunidade!

O que o colesterol alto pode causar?

Como já mencionado, níveis de colesterol elevado podem ocasionar o entupimento dos vasos sanguíneos, aumentando o risco do desenvolvimento de doenças cardiovasculares, dentre elas:

  • Aterosclerose: obstrução do fluxo sanguíneo nas artérias.
  • Doença arterial coronariana: obstrução das artérias que levam sangue ao coração.
  • Hipertensão arterial: as placas de gordura podem fazer com que o sangue circule com maior pressão nas artérias. Em casos graves, levando a episódios de derrame, insuficiência renal e até problemas de visão.
  • Infarto: ausência de sangue nos vasos sanguíneos por obstrução causada pelo excesso de gordura, podendo levar à morte. 
  • Insuficiência cardíaca: quando o coração não consegue bombear o sangue de forma adequada, ocasionando o aparecimento de sintomas como falta de ar, inchaço nas pernas e fadiga.
  • AVC (acidente vascular cerebral): quando ocorre a obstrução de um vaso sanguíneo do cérebro, podendo levar à paralisia partes do corpo ou mesmo à morte.

Segundo a Sociedade Brasileira de Cardiologia, no Brasil 4 em cada 10 adultos possuem colesterol alto, o que equivale a cerca de 18,4 milhões de pessoas. No entanto, esse número pode ser maior, já que é estimado que 67% da população não conhece seus níveis de colesterol.

Você pode contar com os planos de saúde da Geap. Somos especializados em planos de saúde para servidores públicos e, com certeza, temos a cobertura de saúde que você procura.

Acesse agora o nosso site, conheça nossas opções de planos e faça já sua adesão! 

Geap Plano de saúde

Related posts
Bem-estarCuidado e Prevenção

Chutou o balde no fim de ano? Confira dicas para se recuperar!

3 Minutos de Leitura
Fim de ano é sinônimo de relaxamento e celebração e, consequentemente, muita comida e bebida. É quando os cuidados com a alimentação…
Bem-estarCuidado e PrevençãoNotícias

A importância do pediatra na saúde do seu filho

3 Minutos de Leitura
A presença do médico pediatra na saúde do seu filho é essencial para seu desenvolvimento pleno.  Afinal, estamos falando de uma especialidade…
Cuidado e PrevençãoRecomendados

O que é pneumonia? Sintomas, causas e tratamentos!

3 Minutos de Leitura
O que é pneumonia? É uma doença inflamatória, que atinge os pulmões e, quase sempre, está associada a alguma infecção viral ou…